Gratis! Receber atualizações e novidades por e-mail

Clique em curtir-nos no facebook

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Aliviar males e cólicas menstruais


Aliviar dores menstruais
 Aliviar dores menstruais
Este post é mais voltado para os homens, porquê as mulheres estão carecas de saber disso! Você homem acha que não precisa saber disso? Engana-se! Entenda e saibam como lhe dá com isso!

E o que todos os homens podem fazer pelas suas mulheres é não ter medo da menstruação, mas aceitá-la como algo que “ambos têm”.

"Ser mulher não é fácil nestas horas, ainda bem que nasci homem :P" 

Porém estamos sempre presenciando o sofrimento das mulheres, e então cabe a nós homens saber lhe dá com a situação, então melhor entender e saber alternativas para auxiliar e socorrer nossas parceiras, irmãs, filhas, mães, tias e afins...



 Como se não bastasse o incômodo e a irritação durante a TPM (Tensão Pré-Menstrual), algumas mulheres sofrem com cólicas durante o ciclo menstrual. Nesse período, a mulher pode sentir dores pélvicas, no baixo ventre. Se a dor for muito forte ou persistir após o final da menstruação, as causas devem ser investigadas pelo médico.

 Cerca de 50% das mulheres podem sentir cólica menstrual em algum momento da sua vida, e as dores podem ser de fraca a forte intensidade, interferindo negativamente na qualidade de vida.


A cólica menstrual é uma dor aguda que vai e volta. Quando é muito forte, pode estar associada a outros sintomas como náuseas, vômitos e dor de cabeça. — A dor é causada pela produção de prostaglandina, um hormônio responsável pela contração do útero nessa fase. Em algumas mulheres esse processo de contração é mais intenso e o fluxo menstrual maior!


Quando consultar um médico

Se está preocupada com a sua dor menstrual, peça um conselho ao seu médico ou farmacêutico. Em particular, deve consultar um médico se alguma das seguintes situações ocorrer:
  • Se tiver uma dor muito forte
  • Se tiver uma dor abdominal, mesmo se não estiver com o período menstrual
  • Se tiver um sangramento entre os seus períodos menstruais ou o sangramento é mais intenso do que o habitual
  • Se tiver um corrimento anormal, especialmente se for espesso ou de odor desagrável
  • Se tiver febre
  • Geralmente, quando as cólicas são mais intensas, provocam outros males. Na maioria dos casos, a dor pode estimular o enjoo e a diarréia porque o trânsito intestinal aumenta. 
A dor menstrual é uma parte normal do crescimento e de ser mulher. Embora possa ser difícil de lidar ao início, existem coisas que pode fazer para aliviar a sua dor e aprender a controlá-la.

A mulher deve ficar atenta à intensidade da cólica menstrual, principalmente, as adolescentes, já que as dores costumam incomodar mais entre 17 e 34 anos.

Trata-se de uma doença que pode ocorrer em qualquer momento da fase fértil, da primeira até a última menstruação. Algumas mulheres só descobrem que tem a doença quando tentam engravidar e não conseguem. Por isso, é importante consultar o ginecologista sempre que sentir fortes dores no baixo ventre.

Algumas dicas de como minimizar as dores causadas pelas cólicas:

- Descanse
Durante o período de menstruação, é natural sentir-se cansada e sem ânimo. E com dor fica ainda mais difícil ir trabalhar ou se divertir. A recomendação é relaxar e descansar. Procure deitar com a barriga para baixo, apoiada em um travesseiro, comprimindo-a. Isso já ameniza as dores e pode garantir uma boa noite de sono nos dias de cólica menstrual.

- Faça exercícios físicos

Aposte em atividades como alongamento, ioga, caminhada ou andar de bicicleta. Feitos de forma regular e moderada, os exercícios liberam endorfina que tem a capacidade de diminuir a dor.

- Abuse de alimentos certos

Na lista, estão: soja, banana, beterraba, aveia, tofu, couve, abobrinha, salmão, atum e castanha-do-pará. Eles servem como relaxantes musculares e têm poder anti-inflamatório natural.


- Esqueça os alimentos gordurosos

Evite comer frituras, hambúrgueres ou alimentos ricos em gorduras, pois aumentam a produção de hormônios que causam contração no útero. Evite alimentos embutidos e bebidas com cafeína, por exemplo, café, chá preto e refrigerante.

- Fuja do estresse

Situações estressantes podem deixar a mulher mais irritada e sem paciência aumentando a intensidade da dor. Por isso, procure ficar relaxada e evite situações que podem causar estresse.

- Chás são aliados

Beba chá de canela, pois a canela age como analgésico amenizando a cólica. Além dele, os chás de hortelã e erva cidreira com propriedades calmantes também contribuem para o bem-estar.

- Calor

Um pouco de calor sobre a barriga pode ser de grande ajuda. Aplicar um emplastro ou uma botija de água quente sobre a barriga pode ser muito útil no alívio da dor.

A bolsa de água quente pode ser uma forte aliada. O calor emitido estimula a irrigação, relaxando a musculatura e amenizando o impacto das contrações do útero.

- Aposte em massagens

Movimentos suaves no abdômen e nos pés podem amenizar a cólica. Alivia a tensão muscular, melhora a circulação sanguínea e, consequentemente, diminui a dor. Comprimir essa região também pode ser uma forma de massagem.

- Acupuntura

As agulhas aplicadas em pontos estratégicos, entre eles, a região abdominal e lombar, podem auxiliar na liberação de endorfina e reduzir o incômodo causado pela dor abdominal.

- Quando optar pelos medicamentos

Pode parecer um sintoma simples, mas só um médico pode recomendar o melhor medicamento para diminuir a cólica menstrual. De acordo com a médica, algumas mulheres recorrem ao analgésico, mas por ser uma inflamação que provoca contrações no útero, os anti-inflamatórios e antiespasmódicos são mais indicados para combater a cólica menstrual. A mulher deve ser avaliada periodicamente pelo seu ginecologista para descartar doenças graves que podem se manifestar com dores do tipo cólica. Apesar de muitas vezes ser intensa, a cólica pode ser tratada e praticamente passar despercebida, sem prejudicar a rotina da mulher.

- Tome suplementos alimentares.

 Alguns estudos indicam que os suplementos de vitamina E, tiamina e Omega-3 podem reduzir as cólicas menstruais. Zinco e cálcio reduzem cólicas, o inchaço e sintomas relacionados com a síndrome pré-menstrual (PMS). O cálcio e o magnésio reduzem a dor muscular, porém devem ser tomados durante 2-3 meses todos os dias antes que você possa notar um efeito significativo.

-Certifique-se de fazer controles médicos regulares para garantir a sua saúde.

Converse com o seu médico sobre quaisquer problemas menstruais que você acha que possa ter, e leve em consideração como condições como a síndrome do intestino irritável (IBS) ou anemia podem fazer você se sentir durante a menstruação. Além disso, cólicas menstruais podem ser causadas por uma doença subjacente, tais como endometriose ou miomas, casos em que a remoção cirúrgica do tecido pode ser necessária para ajudar a aliviar os sintomas.


-Evite xenoestrogênios e fitoestrógenos.

Algumas novas evidências mostram que xenoestrogênios e fitoestrógenos realmente causam cólicas menstruais. Xenoestrogênios são simplesmente imitações de estrogênio. Eles podem ser produtos químicos presentes em itens utilizados no dia a dia, tais como loções, shampoos e detergentes. Fitoestrogênios são plantas de estrogênio, que podem ser encontrados em algumas ervas. Xenoestrogênios e fitoestrogênios podem causar deficiências de magnésio e vitamina B. A deficiência de magnésio pode causar cãibras nos músculos, e a deficiência de vitamina B pode causar neuropatia (síndrome das pernas inquietas).

-A utilização tópica de progesterona natural

Também pode neutralizar os xenoestrogênios e os fitoestrógenos, se a quantidade de xenoestrogênios e fitoestrogênios no organismo não for muito alta. Se a quantidade de xenoestrogênios e fitoestrogênios no organismo for muito elevada, então o uso de progesterona natural tópica pode realmente aumentar, temporariamente, as dores durante o período menstrual.

-Tome analgésicos regularmente assim que você notar a chegada do seu período menstrual.

Anti-inflamatórios não esteroides (AINE), como o ibuprofeno (Advil, Motrin, etc) ou naproxeno (Naprox, Naprosyn) reduzem não apenas a dor associada com a menstruação, como também o fluxo de sangue menstrual. Paracetamol, embora útil para aliviar a dor, não é tão eficaz quanto os AINE. Muitas mulheres têm as dores aliviadas por analgésicos comuns. Se você não puder tolerar o ibuprofeno ou naproxeno sódico, uma simples aspirina ou paracetamol poderá ajudar bastante. A eficácia dos AINEs se acumula ao longo do tempo, por isso, se as suas cólicas são tão graves que os analgésicos comuns não fazem muito efeito, comece a tomar ibuprofeno a cada seis horas uns dias antes de ficar menstruada e continue a tomar até que suas cólicas diminuam. Se medicamentos AINE comprados sem receita médica não ajudarem, peça ao seu médico para prescrever uma receita com um remédio que contenha ácido mefenâmico (Ponstan).

-Tome pílulas anticoncepcionais.

 As pílulas contêm hormônios que impedem a ovulação e reduzem a gravidade das dores. Por esta razão, é possível que o seu médico recomende pílulas anticoncepcionais para aliviar a dor. Os mesmos hormônios também podem ser administrados através de injeção, de adesivo transdérmico para ser aplicado na pele ou de um anel flexível de uso intravaginal.

-Deite-se em posições diferentes.

 Deitar de lado, com os joelhos dobrados em seu peito (posição fetal) pode reduzir temporariamente a dor. Algumas pessoas dizem que deitar de bruços, com o rosto sobre um travesseiro também ajuda. Ficar de quatro e elevar o bumbum irá aliviar os gases e ajudá-la a sentir-se melhor. Tente também deitar-se de costas, mantendo os pés elevados sobre travesseiros.


-Tente usar roupas que não pressionem o abdômen, como jardineiras.

 Elas são confortáveis, quentes e ajudam a reduzir as cólicas menstruais causadas por roupas apertadas.

-Dicas Polémicas:
  • Distraia a sua mente. A distração é um dos analgésicos mais potentes e prontamente disponíveis. Portanto, se você tiver cólicas intensas, faça algo que normalmente distraia totalmente sua mente, como socializar-se com bons amigos, ler um livro, jogar um jogo de computador, ou passar tempo em sites sociais.
  •  Faça exercícios físicos regularmente. O exercício aumenta seus níveis de serotonina em geral. A serotonina é um analgésico natural do próprio corpo, e também faz com que as pessoas sintam-se mais felizes.
  • Atividades sexuais ajudam durante o período menstrual. Tentar obter o máximo possível. O orgasmo libera ocitocina, a qual causa contrações uterinas e alivia a dor.
  • Tomar um copo ou dois de vinho, o álcool dilui o sangue.
  • Considere aroma terapia para ajudar a relaxar, algo como óleo essencial de lavanda em seu banho, em um queimador de óleo ou simplesmente cheire a boca do frasco.
  • Visite a sua biblioteca local e leia livros sobre problemas menstruais, eles podem ser muito úteis.
  • Esfregue os dedos suavemente sobre o seu estômago.
  • Algumas mulheres acham que as atividades diárias também podem ajudar a aliviar a dor.
  • Além disso, pode ajudar se você colocar um gato ou outro animal pequeno sobre o seu abdômen. Certifique-se de que o animal esteja calmo. As vibrações de um gato ronronando ajudam a relaxar os músculos, enquanto o suave calor alivia as cólicas.
  • Evite xenoestrogênios e fitoestrógenos.
  • Tome um quelato de magnésio (mas não tanto que possa causar diarreia) e vitamina B na parte da manhã. Tomar vitamina B antes de dormir pode causar sonhos lúcidos.
  • Se você reduziu sua carga de xenoestrogênio e fitoestrógeno, então você pode usar progesterona natural tópica. 30-40% de todas as mulheres que não reduzem a carga de xenoestrogênio e fitoestrógeno têm os sintomas temporariamente agravados quando elas tomam progesterona natural.
  • Se você não tem uma bolsa de água quente, um gato pode fazer o mesmo efeito quando colocado sobre o abdômen. Os gatos também ajudam a aliviar o estresse (que também pode causar cólicas).
  • Não tenha medo ou vergonha. Dores menstruais acontecem com toda menina/mulher.
  • Tome suplementos de cálcio e de magnésio diariamente durante 2-3 meses. Você deve começar a perceber uma redução significativa da dor e náuseas após este tempo. Não pare de tomar os suplementos uma vez que você se sentir melhor - você precisa de um fornecimento constante para alimentar os seus cansados músculos uterinos.
  • Massageie levemente o abdômen, ou peça a alguém para fazer isso por você. Isto promove o fluxo sanguíneo para os músculos cansados, o que traz mais oxigênio e nutrientes, e remove os subprodutos ácidos produzidos pelos músculos cansados.
  • Tente diversos tipos de pílulas anticoncepcionais. Um tipo de pílula que funciona para sua amiga pode não funcionar para você.
  • Se você resolver tomar um comprimido tome-o imediatamente. Não espere até que você sinta náuseas, ou você pode não ser capaz de manter a pílula no estômago.
  • Orgasmos inundam o seu corpo com bons sentimentos, e estes neutralizam os maus sentimentos. Esta é uma das melhores maneiras de reverter a dor.
  • Consuma alimentos/bebidas ricos em cálcio e magnésio. Eles estão presentes no leite, queijo, iogurte e em suplementos também.
  • Tente não pensar em coisas que podem deixá-la com raiva ou chateada. Tente distrair-se com coisas leves como um jogo, ou leia um romance cativante, etc. Até mesmo com livros clássicos que estão disponíveis grátis na internet!
  • Ao sentar-se, mantenha a sua coluna o mais reta possível. Não se dobre para frente, ou incline-se para trás.
  • Se você acha que o problema pode ser sério, cólicas persistentes ou sangramento extremamente pesado, consulte um profissional médico. Endomorfismos, cistos ovarianos, e/ou adenomiose precisam ser controlados por um ginecologista.
  • As mulheres, às vezes, são aconselhadas a evitar a cafeína, refrigerantes e alimentos ricos em açúcar e sódio. Por outro lado, algumas mulheres acham que o café acalma a dor de forma muito eficaz - isto pode ser devido ao café diminuir os níveis de estrogênio em excesso ou aliviar o inchaço, já que ele é um diurético, e pode também aumentar a eficiência dos seus analgésicos. Embora seja um erro comum pensar que a cafeína pode aumentar o fluxo sanguíneo, ela, na verdade, faz com que as paredes das veias fiquem mais estreitas e, consequentemente, o sangue flui menos livremente. Observe que muitos medicamentos contra cólicas contêm cafeína. Ela parece ter certos efeitos analgésicos contra a dor neurológica. Tenha cuidado, porém – café em demasia pode levar à deficiência de magnésio, o que afeta todos os tipos de processos no corpo. Açúcar pode ser bom para você também, isso é muito pessoal, você terá que experimentar. Consumir carboidratos simples durante o seu período menstrual pode ser bom para aliviar uma dor de estômago.
  • Não deixe que essas coisas impeçam você de aproveitar a vida. Se você usar absorventes higiênicos, troque a cada duas horas.
  • Se você usar absorventes internos, não use o mesmo por mais de 4 horas. Deixar um absorvente interno no seu corpo por mais de 4 horas pode resultar em síndrome do choque tóxico (TSS).
  • Não desodorize o absorvente interno, pois isso pode provocar uma infecção por fungos.
  • Absorventes internos ou externos, analgésicos, chás de ervas, roupas soltas, e algumas posições de ioga para ajudar a alongar os seus músculos durante estes tempos difíceis.

 Se foi útil para você compartilhe! Se não foi... Compartilhe na mesma XD

Refrigerante BARÉ Tutti-frutti
Refrigerante BARÉ Tutti-frutti não ajuda com dores mestruais!
Está imagem é apenas para te comover a compartilhar o post!

 
                                               Compartilhe no twitter
                                               Compartilhe no facebook



Sem comentários:

Enviar um comentário

O Pantufa's Pop reserva-se o direito de remover comentários que contenham frases, palavrões, caracteres que sejam ofensivos e que estão em desacordo com o propósito do blog. O autor do comentário deve colocar seu nome e sobrenome para comentar.

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...